Tem diferença? | FH Brasil

Tem diferença?


Postado em 22/03/2019 por tfagundes
image-1

 

Cada dia mais o mercado procura profissionais polivalentes, que conseguem enxergar todos os lados das áreas em que atuam. As mulheres, pela sua própria natureza, costumam ter esse perfil. O fato de terem múltiplas habilidades faz com que o sexo feminino se destaque cada vez mais nas posições em que atuam, pois a busca por profissionais multitarefa, que se adequam aos mais variados departamentos e funções é ponto relevante num cenário organizacional mais enxuto.

Desafios no ambiente organizacional enxuto

Os desafios existem e sempre existirão, e é aí que nós mulheres temos que provar capacidade superior em relação ao esperado. A meta de qualquer profissional é sempre ir além. A vida pessoal e profissional precisa estar pautada na superação. Não devemos ficar naquela “bolha” de uma única função, podemos e precisamos fazer mais. E melhor!

Projetos inovadores nos desafiam, bons profissionais não gostam de estar na zona de conforto. Os desafios constantes são inspiradores e são eles que nos motivam a buscar mais, cada vez mais. Não importa a sua área de atuação. O mercado e as pessoas que fazem parte desde mercado mudam o tempo todo. Enfim, todos os dias temos algo novo e, talvez, tudo o que você faz hoje esteja desatualizado amanhã. Precisamos expandir a nossa visão e enxergar o todo.

A zona de conforto nunca foi e nunca será a melhor área para se estar, é preciso ir além. E, muitas vezes, outras pessoas, sejam líderes ou os próprios colegas de trabalho, enxergam um potencial ainda maior do que nós mesmos. É aí que precisamos aproveitar as oportunidades que surgem. E basta olhar ao redor, porque elas existem para todos.

Quando falamos em diferencial competitivo, atributos para liderar uma equipe, é essencial que a(o) profissional esteja antenada(o) com o que está acontecendo no mundo. Inovações são constantes, especialmente depois da era digital.

Diante disso, é preciso estar por dentro das novas mídias, novos processos, softwares, aplicativos. Ao observar o que acontece no mundo, temos insights para o dia a dia de trabalho. E algo que, aparentemente, não tem nada a ver com o que você faz, é o que trará o toque especial. Essa é a mensagem: faça a diferença, independentemente do lugar que você ocupa hoje.


Mecanismos de diferenciação

Cada um tem um modelo de gestão particular que o torna especial. No meu caso, considero que a minha objetividade e minha visão 360º sejam os meu principais pontos fortes. E você? Qual a sua qualidade que te faz se diferenciar dos demais? Qual é o seu diferencial que te torna especial?

Cada vez mais, o mercado cobra que as mulheres assumam posições de liderança. O sexo feminino deve e precisa se posicionar de igual para igual, independente de isso ser uma imposição social. Essa motivação deve vir de dentro, pois somente assim teremos uma posição de destaque. Sabemos que existem alguns tipos de discriminação, mas quem precisa de defesa é quem não sabe se defender. Além disso, ao se impor (mostrar o seu melhor e o motivo pelo qual está ali) as pessoas vão acreditar em você e na bagagem que vocês trás. O sexo feminino não pode e nem deve ser vitimizado. O que a mulher ou qualquer outra pessoa precisa fazer é o melhor. Sempre! Assim, a chance de sucesso será alta.

 

Por Sofia Alpendre Baldessar, Marketing Manager and Inside Sales na FH.



Comentários!